Imagem capa - FOTÓGRAFO, QUANTO CUSTA O SEU TRABALHO? por Arte7Criaçoes
Conteúdo

FOTÓGRAFO, QUANTO CUSTA O SEU TRABALHO?

Isso mesmo, quanto custa e não quanto vale.

 

Não quero falar sobre o valor da arte do trabalho de um fotógrafo, algo tão difícil de ser mensurado. Eu proponho aqui uma análise sobre quanto CUSTA o trabalho do fotógrafo! 

 

O quanto vale, você soma depois de saber o quanto custa, ok? Sim, porque tudo tem um custo. 

 

Primeiro vamos ver alguns custos de uma pessoa comum, os custos pessoais, para então definir os custos da empresa do fotógrafo. 

A ideia é que você faça uma lista de custos de sua responsabilidade. 

 

CUSTOS PESSOAIS

 

Impostos (IPTU, IPVA, IR, INSS, etc), Seguros (automóveis, vida, saúde), Aluguéis ou financiamento imobiliário, Condomínio, energia, gás, telefones, internet, TV a Cabo, Supermercado, padaria, farmácia, Combustível, manutenção de carros, Escola, Cursos, etc... Gastos com entretenimento (cinema, filmes, pipoca, teatro, jantar fora), Poupança (trocar de carro, viagens, etc.), Funcionários (ou diaristas).

 

Obs. Para gastos anuais, divida o valor por 12, e assim faça com outras contas que não são mensais. Vale incluir gastos pessoais como academia, roupas, etc. Como resultado você saberá qual deve ser o seu salário mensal.

 

CUSTOS DA EMPRESA

 

Impostos (DAS, IR, GPS, IPTU, etc), Seguros (Equipamentos, Escritório, etc), aluguéis, prestações, condomínio, energia, internet, telefones, provedor, manutenção, produtos de higiene e limpeza, Salários (inclua o seu), Contador, demais despesas administrativas,  estacionamento, alimentação, materiais de consumo e escritório (papel, tinta da impressora, etc.), Depreciação do equipamento fotográfico Propaganda e marketing da sua empresa (cartões de visita, anúncios, feiras, folders, etc.), Poupança para investimentos futuros (equipamentos, cursos, livros, workshops, etc.)

 

Obs. Para calcular a depreciação do seu equipamento faça a seguinte conta, se uma câmera dura 3 anos, divida o valor por 36 meses e você saberá o custo mensal deste equipamento. Provavelmente quando for trocado será por fim da vida útil ou atualização por um mais moderno.Some tudo isso e você saberá o quanto a sua empresa precisa receber no fim do mês para sobreviver.

 

Se você trabalhar 20 dias no mês, 8h por dia, serão 160h trabalhadas num único mês. 

 

VALOR DA SUA HORA = CUSTO DA EMPRESA (R$) / 160h = R$XX,00 por hora

 

Pronto, fazendo isso você saberá quanto custa a sua hora e poderá calcular o valor do seu trabalho de acordo com o tempo gasto nele. 

 

Exemplo: QUANTO COBRAR PARA UM ENSAIO? Se num ensaio você gasta 2h fotografando, 1h se locomovendo, 5h descarregando as fotos, fazendo backup, editando, exportando e salvando, você tem um total de 8h trabalhadas. Então multiplique as 8h pelo seu valor hora encontrado, este é o custo do seu trabalho de ensaio. Qualquer valor menor do que isto, você estará pagando para trabalhar. 

 

Quem anuncia e vende seu trabalho por um valor irreal não está queimando o mercado fotográfico. Ele queima o seu próprio negócio. E isso é uma questão de tempo. Segundo o Sebrae, quase metade das empresas (46%) encerram suas atividades com até 3 anos de vida. A grande maioria não chega a 10 anos de vida no Brasil. E um dos motivos é esse, a falta de planejamento.

 

Me inspirei para escrever esse tutorial após ver um anúncio de um estúdio fotográfico vendendo seu serviço a R$189,90.

 

Se você é fotógrafo, POR FAVOR COMPARTILHE e ajude a melhorar o nosso mercado.

 

SUCESSO A TODOS!!!

 

Texto de "Renato dPaula"